You are currently viewing Planejamento Previdenciário Para Profissionais Liberais

Planejamento Previdenciário Para Profissionais Liberais

Aqueles que são profissionais liberais (arquitetos, engenheiros, advogados, professores livres, dentistas, médicos, entre outros), devem mensalmente gerir seus rendimentos do trabalho, e consequentemente, tem a obrigação de contribuir com seus impostos e para a previdência social.

Sobre este último tema, surgem controvérsias rotineiras. “Quanto devo pagar para o INSS, e quanto receberei ao me aposentar?” Ou mais, “quando me aposentarei?”. Estas e outras dúvidas são comuns neste meio profissional, e podem ser simplesmente resolvidas, através do chamado planejamento previdenciário.

Não raras vezes, profissionais liberais pagam mais contribuição previdenciária do que deveriam, vez que ainda que a contribuição previdenciária seja obrigatória, esta possui um teto, e se as fontes pagadoras não se conversam, é possível haver pagamentos a maior, passível de restituição, inclusive.

O planejamento previdenciário pode ser feito em qualquer etapa da vida do profissional, entretanto, no início da vida laboral possuirá maior efetividade, dado o direcionamento que haverá neste sentido.

Dados como exposição ou não a agentes nocivos, alterações legislativas e constituição de CNPJ tem impacto significativo na vida previdenciária dos profissionais liberais, e deste modo, devem ser analisados com técnica, visando o melhor proveito ao segurado.

Trata-se de um procedimento complexo, que analisará múltiplos fatores, mas, que lhe direcionará.

É importante, entretanto, que se busque um profissional capacitado, e que sejam utilizadas ferramentas modernas que permitam a inserção e a gestão de seus dados laborais históricos e futuros, possibilitando assim a visualização de um cenário seguro e real.

Procure um profissional de sua confiança, e tenha conhecimento sobre seu futuro previdenciário.